Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

4 de mar de 2007

Descontrolado, ACM ofende estudantes no Congresso


Estudantes protestam contra redução de idade penal Entidades do movimento estudantil e diversos grupos ligados à infância e à juventude marcaram presença, no Congresso Nacional para se manifestar contra a redução da maioridade penal. O protesto aconteceu durante a reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, que havia anunciado a votação de medidas relacionadas ao tema.Segundo o presidente da UBES, Thiago Franco, os manifestantes conseguiram transmitir a sua mensagem apesar de atitudes lamentáveis da segurança do Senado, que recolheu as faixas das entidades, e do presidente da CCJ, o do senador Antônio Carlos Magalhães (PFL–BA), que chegou a chamar os jovens e os movimentos sociais de "palhaços".
"Viemos dizer que o problema da violência não se resolve com mais penas para os jovens e cobrar o cumprimento do Estatuto da Criança e do Adolescente. Primeiro precisamos resolver o problema dos centros de detenção, garantir a aplicação de medidas sócio-educativas para os jovens infratores e principalmente, ter maior investimento público na educação e na Cultura", afirmou o presidente da UBES.
A manifestação dos estudantes e demais entidades no Congresso Nacional também foi, lamentavelmente, marcada pelo autoritarismo do senador Antônio Carlos Magalhães e da Polícia do Senado.
Assim que chegaram, os manifestantes exibiram, pacificamente, suas faixas e cartazes com dizeres contrários à diminuição da idade mínima de reclusão. Apesar do caráter respeitoso e democrático da manifestação, o senador Antônio Carlos Magalhães mandou que os materiais fossem recolhidos e a Polícia do Senado chegou a exigir a saída dos jovens do Congresso.
"Isso é muito o triste, do ponto de vista da democracia", ressaltou Thiago Franco.
Leia mais aqui: http://www.vermelho.org.br/

Nenhum comentário: