Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

26 de mai de 2010

Professores aprovam fim da greve e aulas voltam amanhã

Retorno ao trabalho acontece sem a principal exigência: reajuste de salários. Decisão é temporária e depende de comissão

Depois de 47 dias de greve, muitas idas e vindas na negociação com o governo e sem reajuste, os professores da rede estadual de ensino de Minas decidiram, ontem (25) à tarde, retornar às salas de aula. A decisão, que foi tomada em uma assembleia que contou com a participação de 8.000 pessoas, segundo a Polícia Militar, ainda não é definitiva. Clique aqui e continue lendo...

Leia também:

STJ mantém decisão de proibir a BHTrans de multar em BH
A segunda turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) manteve na noite de ontem (terça-feira - 25) decisão tomada em novembro do ano passado de proibir a BHTrans de multar no trânsito da capital.
Com a decisão dos ministros do STJ, a Prefeitura de Belo Horizonte pretende recorrer ao Supremo Tribunal Federal nos próximos dias para garantir o poder de polícia aos agentes da BHTrans.
Representantes da Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) estão reunidos na manhã desta quarta-feira (26) para avaliarem se vão recorrer da decisão do STJ.
Clique aqui e continue lendo...

Azeredo articula candidatura à reeleição para o Senado

Azeredo patrocina movimento pela candidatura de Aécio como vice de Serra para que componha com Itamar a chapa de candidatos ao Senado
Imaginando-se acima do bem e do mal e ciente da existência em Minas de um esquema eleitoral corrupto onde o voto é comprado para os diversos níveis de candidatura, propiciando, por exemplo, ao candidato ao Senado conseguir eleger-se financiando diversos candidatos a deputado federal e estadual que por sua vez compram dos prefeitos e vereadores o apoio nos diversos municípios.
Clique aqui e continue lendo... 

21 de mai de 2010

Produtos dos camponeses se destacam no Congresso Nacional da CPT

Os 900 participantes do III Congresso Nacional da CPT estão tendo a oportunidade de aprofundar seus conhecimentos sobre a importância da biodiversidade, a preservação dos territórios e a resistência camponesa em todo território nacional. Mas, além disso, durante os intervalos é possível conhecer e adquirir produtos de todas as regiões do país, em pequenas bancas instaladas no bosque do Colégio São José Marista em Montes Claros (MG).

No local são encontrados produtos diversificados e com preços acessíveis, produzidos por trabalhadores e trabalhadoras rurais, indígenas e quilombolas. Diretamente do Ceará vieram as cestarias e acessórios feitos com palha e tecido. Outra banca traz o artesanato das quilombolas do cerrado mineiro, que utilizam os elementos da natureza em sua confecção, como sementes, folhas, galhos e cascas, formando lindos quadros e painéis.

Da Paraíba tem o sabonete de aroeira, remédio da medicina alternativa para amenizar a sinusite, e a pomada multiervas, além de acessórios indígenas, como brincos, colares e pulseiras. Do Pará tem os cheiros e ervas típicas. Ainda é possível encontrar o mel e doces típicos, a exemplo da rapadura.

Os agricultores também têm a oportunidade de escolher entre 36 tipos de sementes e algumas mudas, que foram trazidas pelo pessoal de Minas Gerais. Também há uma banca da capital mineira que trouxe livros, jogos de cálices feitos com o pau-brasil e tecidos peruanos, bolivianos, africanos e brasileiros.

A delegação de Alagoas está vendendo bonés da CPT e camisas de eventos já realizados pela Pastoral. O Tocantins trouxe o anel de Tucum, que representa o compromisso com a luta dos oprimidos, além de lenços da Romaria do Padre Josimo, realizada nos dias 8 e 9 deste mês, que teve como tema “Vidas pela vida, vidas pelo reino”.

Fonte: CPT
---------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leiam também:
- Quilombolas denunciam lentidão na demarcação dos territórios
- Senado aprova reajuste de 7,7% e o fim do Fator Previdenciário
- Tucano assustado procura vice estepe

- PF indicia irmãos Perrella, dirigentes da Raposa por enriquecimento ilícito.


- Crianças do Norte de Minas estão em condições precárias
- Norte de Minas revoltado com Anastasia

- Irã assina acordo nuclear proposto por Brasil e Turquia

17 de mai de 2010

Mães de santo abençoam a católica Dilma

Autor(es): DA SUCURSAL DE BRASÍLIA
Folha de S. Paulo  - 15/05/2010

Presidenciável do PT vai a uma missa pela manhã e ao dia de Oxalá, à noite

Questionada sobre o aborto, pré-candidata ao Planalto diz que "mulher nenhuma é a favor do aborto", mas que o Estado tem de cumprir a lei

Para atrair os votos de todos os credos, a pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, assistiu a uma missa ontem pela manhã, disse que é, sim, católica, mas, à noite, recebeu a "bênção" de mães de santo em um evento promovido pelo PT.
Na missa, Dilma acompanhou os cânticos cristãos, ajoelhou-se, cumprimentou fiéis e bispos, sempre orientada por Gilberto Carvalho, chefe de gabinete do presidente Lula.
A petista, que ao longo da sua pré-campanha já se posicionou de várias maneiras em relação à sua fé, disse ao ser questionada sobre ser católica: "Eu sou".
Deu rodeios, no entanto, ao falar sobre o instante em que se converteu ao catolicismo. "No mesmo momento que cada um dos brasileiros. A gente nasce, é batizado, crismado, estuda em colégio de freira e ao longo da vida, você vive as suas experiências", afirmou a petista.
A missa da qual Dilma participou faz parte da programação do 16º Congresso Eucarístico Nacional, promovido pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). A entidade, que vai orientar os fiéis a não votarem em candidatos que defendem ideias opostas às da Igreja Católica, como a liberalização do aborto, foi apoiada pela petista. "A igreja tem todo o direito de fazer isso", disse.
Sobre a questão do aborto, Dilma disse ser a favor da política pública para os casos de aborto previstos em lei: "O Estado tem de prover, em termos de saúde pública, as condições para que se cumpra isso", disse.
Dilma falou ainda que "mulher nenhuma é a favor do aborto", e que essa é uma distorção comum. "Não é uma questão se eu sou contra ou a favor. É o que eu acho que tem que ser feito."
Para finalizar o dia religioso, a pré-candidata recebeu, à noite, uma bênção, desta vez de mães de santo, durante encontro com o Movimento Negro do PT. Dilma participou de homenagem ao dia de Oxalá, comemorado toda sexta-feira.
Na abertura do encontro, Dilma disse que, se eleita, ampliará a política de cotas raciais no ensino "queiram eles ou não". A pré-candidata chegou a apoiar manifestação do público para adoção do sistema em cursos de pós-graduação.

15 de mai de 2010

Virou - Dilma passa Serra pela primeira vez em pesquisa do Vox Populi

A esperada "virada" na disputa eleitoral de 2010 aconteceu nesta semana. A pesquisa Vox Populi/Band mostra que a pré-candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, com 38% aparece pela primeira vez à frente do tucano José Serra, que tem 35%.
Leia mais na Página Brasil
Aliado do prefeito denuncia: crianças estão sendo pesadas em sacolão

O vereador Alfredo Ramos (PT), aliado do prefeito, anda batendo no cocho para dizer que é independente. Mas continua atrelado com o caloteiro prefeito de Montes Claros. O PT de Montes Claros - por causa de meia dúzia de oportunistas - é cúmplice deste desgoverno. Enquanto estiver falando amém, ninguém da turma da boquinha tem moral para criticar.
Leia mais na Página Cidade

AXÉ MONTES COMEMORA CINCO EDIÇÕES COM AS MELHORES BANDAS DA BAHIA


Considerada uma das maiores micaretas indoor do interior de Minas Gerais, hoje (15) e amanhã (16), o AXÉ MONTES apresenta sua quinta edição de sucesso absoluto. Durante estes anos mais de 30 mil pessoas, lotaram o Parque de Exposições, onde as principais bandas de sucesso da música baiana fizeram a alegria do público em cada edição da festa. Para marcar a edição de 2010, aproximadamente 10 mil pessoas estarão prestigiando a festa e espalhados entre o bloco e os camarotes. As atrações escaladas para essa grande folia foram: Chiclete com Banana, Tomate, Cheiro de Amor, Alexandre Peixe e Fantasmão. Os ingressos já estão à venda na Sede do Axé Montes.
Mais informações pelo telefone (38) 3221-9172.

12 de mai de 2010

Daqui - O jornal de Montes Claros

Acesse o site: http://daquimoc.com.br/

7 de mai de 2010

A Unimontes Invisível

No poema “Prece de Mineiro no Rio”, de Carlos Drummond de Andrade, há a invocação a uma pátria distante, a um “Espírito de Minas” que, cantado, restaura a ordem e a lucidez na vida do sujeito poético e que ecoa, além do som, o sentimento de “mineirice”, de “mineiridade” para além do tempo, para além das montanhas. Na Minas Gerais de hoje, o “Espírito de Minas” foi morto e foram criadas várias Minas invisíveis que existem apenas nas fantasias e farsas políticas do Governo do Estado. Um exemplo dessa Minas Invisível, distorcida e manipulada, é a Universidade Estadual de Montes Claros. A propaganda governista criou uma Unimontes Invisível, que se distancia, assustadoramente, da Unimontes Visível, real.

Na Unimontes visível a infra-estrutura é caótica. Na Unimontes visível, as carreiras docentes e técnico-administrativas agonizam, à mercê de baixos salários e de ínfimas condições de trabalho. Na Unimontes visível, os discentes não são apoiados por ações públicas efetivas, que proporcionem o mínimo de condições para exercerem suas atividades acadêmicas. Na Unimontes visível, prevalece o descaso, o desrespeito e o abandono. A Unimontes visível é fragmentada pela palavra ausência. Há uma ausência no verbo agir e sobram bazófias, e bazófias, e mais bazófias. Há uma ausência que se distancia, completamente, do “Espírito de Minas”. Essa ausência retira de nós, todos nós, o sentimento de “mineirice”, de “mineiridade”, causando-nos um imenso nó na garganta.

Mas, como diz Fernando Sabino, mineiro “não conversa, confabula”. Então, confabulamos para restaurar a ordem e a lucidez à Unimontes. Lutaremos, de corpo e alma, para que esta Universidade seja um lugar melhor, muito melhor. Por isso, a luta para uma Unimontes melhor não é apenas dos alunos, dos professores e dos funcionários técnico-administrativos, mas de todos os cidadãos mineiros e, sobretudo, norte-mineiros. Não podemos aceitar que esta Unimontes que ninguém vê seja instrumento de marketing, deixando a Unimontes real às moscas e às escuras.

A Unimontes é nosso patrimônio e merece respeito. Aceitar, portanto, a Unimontes Invisível é louvar o inexistente e ser omisso perante a farsa. Na verdade, o que está em jogo não são apenas reivindicações justíssimas, é bem verdade, de cada categoria, mas também o futuro da Universidade Estadual de Montes Claros. Silenciar-se agora é sepultar, de vez, a história, a função social e o compromisso educacional da única Universidade genuinamente pública mineira, mantida pelo Governo do Estado. É hora de “botar o bloco na rua”, é “hora de botar a boca no trombone”, é hora de superar velhas oligarquias e arcaicas trapaças. É hora de enxergar que a Unimontes possui problemas, sérios problemas, que não podem esperar para serem resolvidos. É hora de lutar, juntos, para que a Unimontes visível surja, além, muito além dos olhos dos Reis que veem somente o próprio umbigo. É hora de invocarmos o “Espírito de Minas” para que ele ecoe na Unimontes, levando-a para além, muito mais além das montanhas.

Comando Geral de Greve Unificado

O PT DEVE EXPLICAÇÕES

O PT de Minas Gerais deve uma explicação ao povo do Estado. Fonte segura do partido, cujo nome pediu para ser mantido em sigilo, deu uma informação preciosa a este repórter. Somente foram apurados 64% dos votos das últimas prévias envolvendo o ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel, e o ex-ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, para saber qual dos dois enfrentará o candidato patrocinado pelo ex-governador Aécio Neves, até o momento o atual governador Antonio Anastasia. Até aí nada de mais. O próprio site do PT discretamente informa isto.
Quer dizer, 34% dos votos não foram apurados e se fossem dariam a vitória ao ex-ministro Patrus, não ao ex-prefeito de Beagá, Fernando Pimentel. Aí a informação começa a ganhar relevância.
A fonte acrescentou que o grupo do ex-ministro Patrus Ananias, diante de “informações preocupantes” realizou uma “apuração paralela”, e citou dois exemplos: “Em Buritizeiro, região norte de Minas, Patrus obteve 61 votos e Fernando Pimentel, 1 voto. Em Varzelândia, também no Norte do Estado, Patrus atingiu a marca dos 44 votos, contra apenas 4 de Pimentel. Estes votos não foram apurados e sequer computados. A vitória de Pimentel foi por uma margem de apenas 2%”.
Leia aqui o editorial completo de Geral Elísio

Dengue mata universitária

Vítima de dengue hemorrágica, a jovem universitária Nayane Lima de Castro morreu na madrugada de ontem, quinta-feira, no hospital Aroldo Tourinho em Montes Claros. A cidade que é campeã em infestação da dengue no estado continua inerte diante com os graves problemas da população. Clique aqui e continue lendo...  
Lula agora admite 2 palanques pró-Dilma

Após lançar um programa de incentivo à produção de óleo de palma e entregar títulos de licenciamento ambiental, o presidente Lula  disse que a unidade da base aliada era o ideal, mas se não for possível haverá dois palanques nos estados a favor da candidatura Dilma. Clique aqui e continue lendo...

5 de mai de 2010

Memorial Darcy Ribeiro

Na próxima segunda-feira 10, o Ministério da Cultura e a Petrobras estarão liberando recursos de R$ 10 milhões para a construção do Memorial Darcy Ribeiro na UnB.
Segundo Paulo Ribeiro, presidente da Fundação Darcy Ribeiro e sobrinho de Darcy, o prédio a ser construído será um pouco diferente do projeto original, feito a quatro mãos pelo próprio Darcy Ribeiro e o arquiteto e professor aposentado da UnB Lelé Filgueiras. “Originalmente, o Beijódromo era a céu aberto, mas no novo projeto a arquibancada será coberta”, explica Paulo Ribeiro. Ele conta que a possibilidade de cobrir o Beijódromo chegou a ser aventada por Darcy, a fim de aumentar o conforto do público.

Para o arquiteto Lelé Filgueiras, a mudança não modifica o espírito do projeto original e permite que o espaço atenda a necessidades da Universidade e da Fundação. “O Memorial era pensado mais como uma biblioteca, não estavam previstas salas de aula, por exemplo”, conta Lelé. Com a cobertura, o Beijódromo também poderá ser usado como para atividades didáticas e de formação, além de ser um espaço de socialização. O reitor José Geraldo de Sousa Júnior lembra que o beijódromo foi concebido como um lugar onde estudantes e alunos pudessem expressar seu afeto, sem o qual a universidade não poderia ser feliz.

O material reunido por Darcy ao longo de sua vida estará aberto à visitação pública. São 30 mil livros que pertenceram a Darcy Ribeiro e a sua primeira mulher, a antropóloga Berta Gleizer Ribeiro; documentos pessoais, como cartas trocadas com oscar Niemeyer e o filósofo francês Jean-Paul Sarte; obras de arte brasileiras, como quadros de Portinari; e artefatos indígenas dos mais diversos. O acervo foi declarado pela Presidência da República como de utilidade pública e social. Hoje, todo o material encontra-se na sede da Fundação, no Rio de Janeiro.

Com informação da UNB Agência

Virgílio Guimarães votou contra os aposentados

Mesmo com o voto contrário do deputado Virgílio Guimarães, o plenário da Câmara aprovou, ontem terça-feira (4), por 323 votos a 80 e duas abstenções, a emenda do líder do PPS, deputado Fernando Coruja (SC), à Medida Provisória 475/09, que extingue o fator previdenciário. Esta MP reajustou, a partir de 1º de janeiro, o salário mínimo de R$ 465 para R$ 510.
O fator previdenciário atinge apenas as aposentadorias do regime do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), ao qual são vinculados trabalhadores do setor privado e servidores públicos regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).
Hoje, a aposentadoria por tempo de contribuição pode ser requerida após 35 anos de contribuição para homens, ou 30 para mulheres. O valor da aposentadoria resulta do cálculo das médias dos maiores salários de contribuição a partir de julho de 1994 – entram no cálculo apenas os oito maiores em cada 10 salários de contribuição.
O valor da média obtida por essa conta deve ser multiplicado, então, pelo fator previdenciário, calculado com base na alíquota de contribuição, na idade do trabalhador, no tempo de contribuição e na expectativa de vida.
A expressão salário de contribuição não é um equivalente perfeito de salário, porque os segurados com um salário maior que o teto da Previdência terão um salário de contribuição limitado a esse último valor, a partir de 1º de janeiro de 2011. O fator previdenciário é um índice usado para reduzir os valores das aposentadorias.

Reajuste dos aposentados

O plenário aprovou também o índice de 7,71% de reajuste para as aposentadorias da Previdência Social com valores acima de um salário mínimo. O índice consta de emenda do deputado Paulo Pereira da Silva (PDT/SP), que também é presidente da Força Sindical, incluída na Medida Provisória 474/09.
De acordo com o autor da emenda, o reajuste foi acordado com os aposentados. Paulinho argumentou ainda que o senador Paulo Paim (PT/RS) garantirá a aprovação da matéria no Senado. (Com Agência Câmara)

Além de Virgílio Guimarães, os outros mineiros que votaram contra os aposentados ou abstiveram seu votos foram: João Magalhães (PMDB), Paulo Delgado (PT), Gilmar Machado (PT), Odair Cunha (PT) e Silas Brasileiro (PMDB)
Clique aqui e veja a votação nominal da emenda pelo fim do fator previdenciário

4 de mai de 2010

Polícia de Anastasia bate em professores

Assim não é não é mais possível. Por onde José Serra (PSDB/SP) e Anastasia (o "poste" de Aécio) passam, a polícia bate em professores. Foi assim em Uberlândia, e se repetiu em Uberaba.
Pelo menos um professor da rede estadual foi ferido na abertura oficial da ExpoZebu, feira pecuária promovida em Uberaba (MG), nesta segunda-feira (3).
Os professores mineiros estão em greve desde o dia 8 passado, pelo reajuste do piso salarial, e foram se manifestar pacificamente, em local público, como garante a constituição, contra o patrão: o governador demo-tucano Anastasia.
A tropa de choque da Polícia Militar (PM) agrediu um dos manifestantes, enquanto vaiava os pronunciamentos de políticos ligados ao governo estadual, entre eles José Serra.
Anastasia foi o mais vaiado, que parecia não se preocupar com a confusão, segundo a "Agência Estado". Continue lendo...  

Leia também:

Página Montes Claros   
Vitória de Tadeu. Justiça volta com o preço do lotação determinado pelo prefeito dos pobre
Página Brasil
Projeto do Ficha Limpa e MP dos Aposentados entram na pauta - Com Serra e Marina, Gabeira confirma candidatura no RJ -
Página Norte de Minas
Xakriabás pleiteiam autonomia das comunidades no Estado
Página Minas
Homenagem a um assassino, mais uma do tucano Eduardo Azeredo - MP vai denunciar deputados.

3 de mai de 2010

Depois da surra Bernardinho corta Lorena da seleção

O técnico da seleção brasileira masculina de vôlei, Bernardinho, decidiu não convocar Lorena, destaque e vice-campeão da Superliga pelo Montes Claros (MG). Na lista divulgada hoje pela Federação Internacional de Vôlei não consta o nome do oposto Lorena, do Montes Claros. Lorena chegou a ser pré-relacionado, mas não foi chamado para se apresentar.  Além de Lorena, foram cortados da lista o levantador Ricardinho e o oposto João Paulo Bravo, que jogam na Itália.
Integram a lista final os levantadores Bruninho, Marlon e Sandro; os centrais Éder, Lucão, Rodrigão, Sidão e Thiago Barth, os opostos Leandro Vissotto, Théo e Wallace, os ponteiros Giba, Murilo, Dante, Thiago Alves, João Paulo Tavares e Maurício; e os líberos Serginho e Mário Júnior.

PT mineiro irrita Lula com eleição prévia para candidato a governador

O PT mineiro desafiou no domingo o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e realizou uma prévia entre o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel e o ex-ministro do Desenvolvimento Social Patrus Ananias. Ambos disputam a indicação do partido para concorrer governo de Minas Gerais.
Os dois candidatos endureceram o tom contra o PMDB em seus discursos. Patrus chegou a criticar o que chamou de "moeda de troca", enquanto Pimentel disse que rejeitava os "ultimatos". A prévia irritou o presidente Lula, que já mandou um recado ao PT mineiro: quer a situação resolvida até o final deste mês. Lula teme que o impasse em Minas atrapalhe a campanha da candidata petista à Presidência, Dilma Rousseff.
Para obter o apoio do PMDB, Lula concordou em ceder ao partido a indicação do nome que vai concorrer ao Palácio da Liberdade. Os peemedebistas querem que o senador Hélio Costa encabece a chapa. O vice seria indicado pelo PT, que ficaria também com uma vaga ao Senado.
"Na história do Brasil e do PT, Minas Gerais nunca foi tratada como moeda de troca", afirmou Patrus. "O meu querido amigo Hélio Costa não tem condições de dar ultimato ao PT", provocou Pimentel. "Ele sabe que não pode fazer isso e não o fará."

Fonte: Veja Online

2 de mai de 2010

Florianópolis vence Montes Claros e conquista tetra da Superliga


MARIANA BASTOS - Folha Online

Com o apoio maciço da torcida no Ibirapuera e com uma atuação destacada do bloqueio, o Florianópolis venceu neste sábado o Montes Claros por 3 sets a 0 (parciais de 25/22, 25/20 e 31/29) na final da Superliga de vôlei, disputada no Ibirapuera, em São Paulo.

Com isso, o time catarinense acumulou seu quarto título na competição e tornou-se o maior vencedor da competição, ao lado do Minas.
O jogo começou nervoso com as duas equipes errando muito no saque e no ataque.
Pelo lado do Florianópolis, o oposto Bob encontrava dificuldades para converter seus ataques da saída de rede em pontos. A solução encontrada pelo levantador Bruno foi concentrar as bolas no meio e, principalmente, na ponta, em Thiago Alves. Mais seguro que Bob, o ponteiro foi, na primeira etapa, a bola de segurança da equipe de Santa Catarina.
Já Lorena, grande destaque do Montes Claros no campeonato, teve uma atuação inconsistente no início do jogo. O levantador Rodriguinho forçava bastante as jogadas no oposto, que, bem marcado, ora acertava os ataques, ora parava no bloqueio rival.
Durante grande parte do primeira parcial, as duas equipes se revezaram no placar.
O set começou a se delinear a favor do Florianópolis no final. Em um ataque para fora de Acácio, do Montes Claros, o Florianópolis abriu vantagem de dois pontos (19 a 17). A partir daí, o Montes Claros acumulou erros de ataque. E, em uma falha de saque de Piá, o Florianópolis fechou o set em 25 a 22.
Lorena voltou desconcentrado para o segundo set. Diante de seus erros de ataque, a torcida do Florianópolis pressionava: "Uh, cadê? O Lorena sumiu." O time catarinense abriu vantagem de 4 a 0.
A pressão surtiu efeito até mesmo no saque de Lorena, que foi o atleta mais eficiente no fundamento nesta temporada. Após seus erros no serviço, a torcida do Florianópolis gritava: "O Lorena é nosso".
O Florianópolis aproveitou-se da irregularidade do astro do time rival para se manter na frente em boa parte do set.
Thiago Alves novamente voltou a brilhar, puxando a torcida a cada ponto. E as bolas atacadas por Bob começaram a surtir efeito. Em um ataque de Renato, o time catarinense liquidou o set em 25 a 20.
O terceiro set começou mais equilibrado, com as equipes se alternando o placar. Mas, enquanto Bob se destacava em quadra, Lorena ainda deixava a desejar. Bem marcado, o oposto do Montes Claros se desestabilizava a cada vez que seu ataque parava no bloqueio do time rival e a torcida o provocava.
Diante de um bloqueio faminto por travar Lorena, Rodriguinho teve que distribuir mais as bolas entre os atacantes do Montes Claros. Com a tática, a equipe mineira conseguiu manter o equilíbrio durante grande parte do set.
Com dois pontos de bloqueio seguidos, o Florianópolis decretou o fim do set em 31 a 29 e, em consequência, o fim do campeonato.


Leia também:
Promotoria apura elo entre Prefeitura e o Montes Claros, a sensação da Superliga

1 de mai de 2010

Prefeitura de Montes Claros vira as costas para o esporte e só investe do time de vôlei do filho do prefeito

O pedido da diretoria do Funorte à prefeitura de Montes Claros para que comprasse uma carga de ingressos para o jogo entre Funorte x Mamoré, hoje, 01 de maio, dia do trabalhador, às 16h, no estádio José Maria Melo, não foi aceito.
O diretor financeiro do Funorte, Cristiano Júnior, explicou que fez reuniu com o secretário da Juventude, Esporte e Lazer, Toninho da Cowan,(foto2) na tarde de quinta-feira, e a resposta do prefeito Luiz Tadeu Leite  foi não. Maatéria completa no Blog do Xu Medeiros
Enquanto isso... Ônibus e mais ônibus com passagens praticamente de graças seguiram para São Paulo para partida do vôlei, que a Prefeitura gasta uma fortuna e deixa a cidade abandonada. E até avião foi fretado para levar os capas-pretas. Comentários na cidade dão conta que é por conta. Do povo. O MP precisa investigar


Imposição de Lula pode esvaziar campanha de Dilma - Lula dá sinal verde para PT intervir em Minas. Disposto a obrigar o PT a apoiar a candidatura do senador Hélio Costa (PMDB) ao governo de Minas, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu sinal verde para o Diretório Nacional petista intervir na seção mineira, caso o partido não saia pacificado da prévia marcada para amanhã, dia 2. Clique aqui e continue lendo...  
O óbvio: Anastasia não retalhará PSDB da Dilmasia - Contradizendo o que ele e o ex-governador Aécio Neves vêm afirmando, o governador Antonio Anastasia, após evento no Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) disse que não haverá retaliação aos prefeitos aliados de seu governo que preferirem apoiar a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, em vez de José Serra (PSDB). Clique aqui e continue lendo... 
Dilma cai em arapuca do Mensalão. Circulava na capital mineira rumor de uma possível reunião da candidata Dilma com o grupo do ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel, outro acusado de pertencer ao esquema do mensalão, conforme reportagem da revista Istoé. Clique aqui  e continue lendo...

Globo tira do ar propaganda escancarada de Serra


Pressionada pelo Partidos dos Trabalhadores a Rede Globo de Televisão resolveu tirar do ar uma propaganda institucional em que comemora seus 45 anos de vida .
O vídeo mostra atores, apresentadores e jornalistas da Globo falando sobre a emissora. Em um determinado momento os participantes afirmam: "Todos queremos mais. Educação, saúde e, claro, amor e paz. Brasil? Muito mais". A frase fazia alusão ao lema da campanha de Serra, definida como “O Brasil pode mais". Além disso, no final do vídeo, aparece o número 45, o mesmo do PSDB.