Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

7 de mai de 2010

O PT DEVE EXPLICAÇÕES

O PT de Minas Gerais deve uma explicação ao povo do Estado. Fonte segura do partido, cujo nome pediu para ser mantido em sigilo, deu uma informação preciosa a este repórter. Somente foram apurados 64% dos votos das últimas prévias envolvendo o ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel, e o ex-ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, para saber qual dos dois enfrentará o candidato patrocinado pelo ex-governador Aécio Neves, até o momento o atual governador Antonio Anastasia. Até aí nada de mais. O próprio site do PT discretamente informa isto.
Quer dizer, 34% dos votos não foram apurados e se fossem dariam a vitória ao ex-ministro Patrus, não ao ex-prefeito de Beagá, Fernando Pimentel. Aí a informação começa a ganhar relevância.
A fonte acrescentou que o grupo do ex-ministro Patrus Ananias, diante de “informações preocupantes” realizou uma “apuração paralela”, e citou dois exemplos: “Em Buritizeiro, região norte de Minas, Patrus obteve 61 votos e Fernando Pimentel, 1 voto. Em Varzelândia, também no Norte do Estado, Patrus atingiu a marca dos 44 votos, contra apenas 4 de Pimentel. Estes votos não foram apurados e sequer computados. A vitória de Pimentel foi por uma margem de apenas 2%”.
Leia aqui o editorial completo de Geral Elísio

Dengue mata universitária

Vítima de dengue hemorrágica, a jovem universitária Nayane Lima de Castro morreu na madrugada de ontem, quinta-feira, no hospital Aroldo Tourinho em Montes Claros. A cidade que é campeã em infestação da dengue no estado continua inerte diante com os graves problemas da população. Clique aqui e continue lendo...  
Lula agora admite 2 palanques pró-Dilma

Após lançar um programa de incentivo à produção de óleo de palma e entregar títulos de licenciamento ambiental, o presidente Lula  disse que a unidade da base aliada era o ideal, mas se não for possível haverá dois palanques nos estados a favor da candidatura Dilma. Clique aqui e continue lendo...

Nenhum comentário: