Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

24 de fev de 2007

Helicóptero da polícia localiza assaltantes de banco escondidos em mata no Norte de Minas

(Elaine Resende/Portal Uai) / (Luiz Ribeiro/Estado de Minas)

Houve troca de tiros entre os quatro criminosos e os policiais


Caçada aos assaltantes mobiliza força-tarefa em Minas Gerais

A maior caçada a assaltantes de banco já feita em Minas pode estar perto do fim. Um helicóptero da força-tarefa montada para localizar os quatro bandidos escondidos na Serra do Boqueirão, no município de Dom Bosco, região Noroeste do estado, encontrou os criminosos no fim da tarde desta sexta-feira. Segundo informações da polícia, os assaltantes, que estão fortemente armados de acordo com relatos dos reféns libertados no último sábado, atiraram contra a aeronave. Houve troca de tiros e a situação ficou ainda mais tensa. Conforme as primeiras informações do 28º Batalhão da Polícia Militar de Unaí, não houve feridos. O grupo conseguiu fugir pela mata fehcada mas a polícia acredita que, com a limitação da área das buscas, os criminosos sejam capturados em pouco tempo. Durante a fuga, a quadrilha abandonou três fuzis - um deles um AK-47 (que pode fazer até 600 disparos por minuto) -, roupas camufladas e parte do dinheiro levado do Banco do Brasil em São Romão, no Norte de Minas.
Leia mais aqui

Nenhum comentário: