Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

15 de fev de 2007

Feijão assado


Um cara não podia ver feijão assado, bastava sentir o cheiro de feijão assado e logo queria comer, só que o efeito dos tais feijões era fatal. Todas as vezes que comia sentia uma vontade imensa de peidar. Certo de seu vício e vendo que ia se casar logo resolveu dar um tempo com os feijões e assim a noiva não perceberia. Após vários meses, depois de casado ao sair do trabalho o seu carro no meio do caminho quebrou. Vendo que não tinha outra solução a não ser ir a pé para casa imediatamente ligou para a esposa: - Alô? Amor, o carro enguiçou e vou andando até em casa, assim pratico um pouco de esporte, ok?

- Ok meu amor, mas não demore pois tenho uma surpresinha para você. Dizendo isso desligaram o telefone e o cara foi andando. Ao passa por um bar, sentiu um cheiro inacreditável de feijão assado. Pensou, analisou, verificou a distância e resolveu parar no bar e saborear os feijões, e nisso pensou: - Faltam alguns quilometros para chegar até em casa, ate lá o efeito tem passado. Após uma meia hora ele saiu do bar com 3 pratadas de feijão assado no estomago. Andou mais ou menos 100 metros e sentiu a primeira rajada vindo, já que estava na rua não fez por menos, soltou a rajada e foi assim até faltar uns 150 metros de casa. Chegando em casa percebeu que aparentemente o efeito tinha passado. Ao abrir a porta, sua esposa toda carinhosa veio em sua direção deu-lhe um beijo e disse: - Tenho uma surpresa para você, mas terá que cobrir os olhos para não ver. Cobrindo os olhos dele, levou-o até a cozinha, sentando-o na mesa pediu para ele não olhar através da venda, nisso o telefone tocou e ela falou: - Vou atender o telefone mas você não pode nem pensar em olhar a surpresa, ta? - Tudo bem, pode ficar tranqüila. Logo que ela se afastou ele pensando que aquele efeito dos feijões tinha passado, sentiu um calafriu e uma nova rajada vindo. Como sua esposa estava longe na outra sala resouvel liberar. Aquele cheiro horrível subiu e ele pensou que estava dentro do vaso de um banheiro público, abanou e logo passou. Passado alguns segundos veio outra rajada, levantou a perna um pouquinho e fuuuu. Aquele era pior do que o primeiro, abanou, chaqualhou a calça e mais uma vez estava salvo. Mas quando pensou que estava tudo ótimo veio mais um e ele, escutando sua esposa a conversar no telefone não teve dúvida, soltou. O terceiro parecia o pior de todos, pura carniça. Abanou, pegou a toalha da mesa apalpando e tentando aliviar o cheiro. Após alguns segundos tudo volta ao normal e ele escuta a mulher desligar o telefone e vindo dizendo: - Bom meu amor, agora a surpresa. E tirando a venda dos olhos ele se deparou com 12 pessoas em volta da mesa e um bolo de aniversário.

Nenhum comentário: