Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

1 de ago de 2007

Aeroportos ligam nada a lugar nenhum

A impunidade na má aplicação de recursos permanece. São João Del Rei repete Juiz de Fora, que repete Confins

O programa Fantástico da Rede Globo veiculou, domingo (29), reportagem demonstrando o absurdo cometido pelo ex-governador Itamar Franco que, apenas por capricho e bairrismo, construiu um Aeroporto em Goiana, município vizinho de Juiz de Fora.

Itamar sabia que após o investimento, de perto de R$ 70 milhões, na construção do Aeroporto e com a “compra” de R$ 30 milhões em equipamentos para que o aeródromo operasse por controle, equipamentos estes que ninguém sabe exatamente onde estão, o Aeroporto não poderia operar.
Existindo a suspeita da Aeronáutica da necessidade de troca de toda pavimentação da pista, uma vez que esta é inadequada.
Além da necessidade da construção de vias de acesso que, a início, estavam orçadas em R$ 50 milhões, como apurou o Tribuna de Minas, o acesso ao Aeroporto Regional da Zona da Mata pode inviabilizar o seu funcionamento, caso não sejam priorizadas obras na MG-353 ou construído um novo caminho, ligando esta estrada à BR-040. A MG-353 liga Juiz de Fora a Goiana, município onde está instalado o sítio aeroportuário. Sem as intervenções, outro fato preocupa as autoridades. Com o aumento do transporte de carga pesada, o trânsito na área urbana de Juiz de Fora será extremamente prejudicado.
O alerta é feito pelo consultor e especialista em transporte e mobilidade urbana, José Ricardo Daibert. “O aeroporto comprometerá o sistema viário local”.
Leia a matéria completa
AQUI

Nenhum comentário: