Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

4 de nov de 2008

UM GAGÁ EM DELÍRIO

Ainda menino aprendi a me desviar de doidos, sabedor de que poderiam jogar pedras em alguém.
No entanto, desse doido ou louco por conveniência de que trata o presente artigo, nada temo, simplesmente porque, ao atirar pedras a esmo e em todos, parece não suspeitar de que a montanha de detritos, para não falar em merda, acabará por soterrar-lhe. Enfim, louco é louco, alguns realmente passíveis de internamento manicomial...
O advogado Antônio Adenilson, natural de Mirabela, há anos insurge contra políticos montesclarenses. Depois, passou a voltar-se contra líderes nacionais, principalmente se quadros do PT, partido que derrotou fragorosamente o seu Guia Brizola.
Em recente artigo publicado em
O Norte, o insano girou a metralhadora verborrágica sem mirar alvo.
Na sua sanha de perseguição ao presidente Lula, procurou atingir Anderson Adauto (prefeito eleito de Uberaba), Marília Campos (prefeita eleita de Contagem), Marta Suplicy, Crivela, Jacques Wagner... e tantos outros desde que pertencentes ao Partido dos Trabalhadores ou por ele apoiado.
Preconceituoso? Não, mera impressão...
Ao ampliar o raio de seus disparos ao cenário internacional, é daqueles que intitulam o presidente norte-americano de BelzeBush mas, se pudesse, votaria em McCain... Em Obama, um negro, jamais... O mais hilariante em seu artigo (muito mal escrito por sinal) é a assertiva de que o epíteto pé frio cabe como luva ao presidente. Culpa-lhe por algumas das recentes derrotas eleitorais – inclusive em Montes Claros –, pelo mal desempenho dos nossos desportistas nas Olimpíadas, pelos fracassos do Vasco da Gama e do Corinthians... Enfim, só o isenta da culpa pela prolongada estiagem que assola a nossa pobre região.
Abreviando, caro leitor, de vez que o trêfego personagem não merece tanta tinta e papel, após breve consulta à literatura psiquiátrica, e atentos à anamnese do paciente em questão, só nos vem à mente um diagnóstico: inveja! Sim, o pseudo-cidadão mirabelense, em tempos não tão distantes suspenso pela OAB, nutre esse odioso sentimento pelo cidadão de Garanhuns, Luís Inácio Lula da Silva, presidente da República Federativa do Brasil.
Pé Frio?
Quos ego!
Resquiescat in pace!
Amém.

Nenhum comentário: