Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

22 de nov de 2007

Sobre a notícia

OLHA A CHUVA... - Quinta-feira passada, dia 15, a imprensa montes-clarense noticiou com detalhes uma audiência das bancadas estadual e federal norte-mineiras, com o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, em Brasília-DF, na quarta-feira passada, dia 14. Foram citados detalhes, como lista de presenças, "debates acalorados", explanações ao ministro, garantias dadas pelo Governo Federal e anúncio da vinda de representantes da União para avaliar o quadro. Bom demais para ser verdade, diriam os "gritadores" de quadrilhas juninas.

É MENTIRA! - Proposto na noite da terça-feira, dia 13, em reunião da bancada federal, com a presença de dois estaduais, na sala de uma das comissões da Câmara dos Deputados, o encontro foi tentado na manhã seguin¬te, pelo deputado Virgílio Guimarães (PT). Mas não aconteceu. O ministro Geddel Vieira Lima estava viajando, para Salvador-BA, informou seu gabinete. Antes, porém, políticos apressados em assumir a paternidade de ideias alheias, que sequer ficaram em Brasília-DF na quarta-feira, mandaram espalhar releases sobre reunião que não aconteceu, como se tivesse acontecido. Tentaram beber água limpa, queimaram a língua. Que não se metam a fazer previsão do tempo...

FANTASMA - A alucinação democrata irritou vários dos deputados citados no release, pelo risco de se verem envolvidos em farsa contra a popula¬ção castigada pela seca, principalmente os produtores rurais, que acumulam perdas nunca vistas antes. Mico? E pouco, pode ficar na história como a maior mentira da grande seca de 2.007. A nova face da indústria da seca. Se cair na grande imprensa, ninguém vai querer segurar a batata. Quente feito o sol do sertão.
Fonte: Coluna Sobre a Notícia do Jornal de Notícias

Nenhum comentário: