Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

22 de ago de 2008

Patrus entra na campanha de Montes Claros

Foto: Rogeriano Cardoso - Revista Tempo
GIRLENO ALENCAR - Jornal Hoje em Dia - Montes Claros
O ministro Patrus Ananias, do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, abriu, ontem, em Montes Claros, a campanha política deste ano no Norte de Minas, quando esteve na cidade para participar do "Colóquio Internacional Sobre a Pobreza” e, depois, gravou o programa de televisão e rádio para o candidato a prefeito, Athos Avelino (PPS), atual prefeito que tem o petista Sued Kennedy como vice-prefeito. Porém, salientou que ainda não decidiu se gravará para o programa político de Jô Morais, candidata a prefeita do PC do B, em Belo Horizonte e com apoio de dissidentes do PT mineiro. Na eleição de 2004, Patrus Ananias esteve em Montes Claros por duas vezes, acompanhado do então ministro Nilmário Miranda, de Direitos Humanos, para a primeira campanha eleitoral do atual prefeito. (...)
Na entrevista à imprensa, ainda no Aeroporto, Patrus Ananias disse que todo final de semana estará fazendo campanha política nos municípios onde o PT está unido na eleição deste ano, independentemente de ser cabeça-de-chapa, conforme acordo que fez com a Direção Nacional do PT. Adiantou que, na primeira semana de setembro, estará em Montes Claros, Janaúba e Januária, no Norte de Minas; Virgem da Lapa, Araçuai e Itaobim, no Vale do Jequitinhonha, com os seus correligionáros, mas deixará de estar em Bocaiúva, sua cidade natal, onde o candidato Ricardo Veloso, do PSDB, tem apoio formal do PT. Veloso foi do PT de Bocaiúva e perdeu a eleição de 1992 e, depois, no PSDB, foi eleito prefeito em 1996.
Patrus alegou que dará apoio público aos candidatos a vereadores do PT em sua cidade natal e não participará da campanha de prefeito porque o acordo com o PSDB foi realizado sem sua participação.

Nenhum comentário: