Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

10 de out de 2006

Isso é de doer – ter que tolerar o Chuchu e Xuxa



Como se não bastasse ter que agüentar o Chuchu Alkquim Pinóquio mentindo na maior cara lavada nos debates e nas propagandas eleitorais, ainda temos que tolerar também o saudosismo da Globo, com o eterno hilari, hilari, hilari iê... ô, ô, ô... de Xuxa, comemorando seus 20 anos de gritinhos histéricos, é demais. Ainda bem, que o Chuchu desaparecerá da mídia tendenciosa, depois do dia 29, quando ele será devorado por Lula nas urnas. Eco, trem ruim é salada de chuchu. Já a Xuxa... larga pra lá.

Um comentário:

Cabaré disse...

Lunga Thunga está certíssimo e seu blog é um sucesso. Como leitor assíduo, gostaria de acrescentar, em tópico acima, aquele que trata da distribuição de renda, o que o velho Darcy Ribeiro me ensinou uma vez:
- Quantos frangos você come por dia, meu filho?
- Nenhum...
- Pois bem, ensinou o professor... eu como um...
- E daí, fessô?
- E daí, burro!!!??? Se eu como um, e você nenhum, isso significa, para os Delfins da vida, que comemos meio frango cada um...
- Num intendi, fessô...
- Num intendeu e nunca vai intendê...
- ...
- Vamo ficá por aqui memo... Você nunca vai entender o que é renda ou consumo per capita... Capiau!!!
Haroldo Tourinho Filho