Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

26 de set de 2008

Reviravolta em Manga - Renúncia coletiva

A cidade de Manga, no Norte de Minas, distante de 288 quilômetros de Montes Claros - via Janaúba ou 285 via Januária, com uma população de 21.413, registrou cinco candidatos a prefeito: Adailton (PRP), Haroldo Bandeira (PMDB), Dr. Helder Mota (PT do B), Henrique Fraga (PP) e Quinquinha Sá (PPS). Mas na tarde desta sexta-feira, 26, o impossível aconteceu. Adailton, Helder Mota e Haroldo renunciaram suas candidaturas em favor de Henrique Fraga, que tem com vice, Anastácio Guedes, que é irmão do deputado petista Paulo Guedes.
Com isso, complicou a vitória de Quinquinha que era “favas contadas”.

2 comentários:

Anônimo disse...

Há pessoas que não sabem perder. Ultrapassa as raias da desonestidade afirmar que “Tadeu vencer as eleições em Montes Claros” Lula poderá suspender a bolsa família. O que hoje é chamada de bolsa família é a reunião de diversos benefícios sociais criados por seu antecessor. Mas isto não tem a menor importância. Por que o antecessor do Lula, nem próprio Lula não se beneficia desses benefícios. Mas o povo necessita. E certamente ficaria apavorada. Todavia, as pessoas que possuem algum conhecimento e que, portanto são quem têm acesso à Internet, sabe que isto é uma mentira. Caso seja verdade o Presidente Lula seria desgraçado do para aproveitar assim da fome das pessoas. Esta afirmação contradiz com pose de pessoas honestas da ala da esquerda. Por que desonesto não é apenas furtar dinheiro, embora qualquer tipo de desonestidade termina levando ao roubo. Afirmar mentira para semear o pânico entre pessoas que nem têm com que contar. Aliás, é interessante notar, que para o povo de cultura muçulmana, todo crime consiste em um roubo. Quem mente comete um roubo por que impede que a verdade venha a toda. Assim, quem inventou essa história é um criminoso.
A bolsa que será suspensa a partir de janeiro é dessas pessoas que passam a vida ciscando ao redor dos que detêm o poder, para ver se lhe sobra alguma coisa.

Anônimo disse...

Há pessoas que não sabem perder. Ultrapassa as raias da desonestidade afirmar que “Tadeu vencer as eleições em Montes Claros” Lula poderá suspender a bolsa família. O que hoje é chamada de bolsa família é a reunião de diversos benefícios sociais criados por seu antecessor. Mas isto não tem a menor importância. Por que o antecessor do Lula, nem próprio Lula não se beneficia desses benefícios. Mas o povo necessita. E certamente ficaria apavorada. Todavia, as pessoas que possuem algum conhecimento e que, portanto são quem têm acesso à Internet, sabe que isto é uma mentira. Caso seja verdade o Presidente Lula seria desgraçado do para aproveitar assim da fome das pessoas. Esta afirmação contradiz com pose de pessoas honestas da ala da esquerda. Por que desonesto não é apenas furtar dinheiro, embora qualquer tipo de desonestidade termina levando ao roubo. Afirmar mentira para semear o pânico entre pessoas que nem têm com que contar. Aliás, é interessante notar, que para o povo de cultura muçulmana, todo crime consiste em um roubo. Quem mente comete um roubo por que impede que a verdade venha a toda. Assim, quem inventou essa história é um criminoso.
A bolsa que será suspensa a partir de janeiro é dessas pessoas que passam a vida ciscando ao redor dos que detêm o poder, para ver se lhe sobra alguma coisa.