Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

22 de mai de 2009

Prefeito ficha-suja Tadeu Leite será investigado também por nepotismo

Os promotores Paulo Vinícius Magalhães Cabrera e Felipe Gustavo Gonçalves Caíres, da Promotoria de Proteção ao Patrimônio Público de Montes Claros, receberam uma representação do PPS de Montes Claros para investigarem sobre o nepotismo na Prefeitura de Montes Claros, administrada pelo demagogo prefeito de Montes Claros, baseado na Súmula de efeito vinculante n° 13.
Segundo a representação, o ex-Prefeito Athos Avelino editou um Decreto criando o Cadastro Municipal de Servidores - Cargos ou Funções Comissionadas, com declaração obrigatória do servidor na sua admissão quanto à existência de parentes na administração pública e muitos servidores tiveram que ser exonerados. Mas a atual administração admitiu, desde 1° de Janeiro de 2.009, centenas de servidores em cargos comissionados, e não se tem notícias da observância do referido Decreto e do cadastro antinepotismo, muito menos da Súmula n° 13 do STF.
Diante disso, o PPS pede ao Ministério Público, ajuizamento de ação de improbidade, de modo a serem ressarcidas aos cofres públicos as quantias pagas em violação à legislacao vigente sem prejuízo das demais sanções cíveis, administrativas, políticas e criminais cabíveis.

3 comentários:

Anônimo disse...

Até que enfim né?????? com tantas irregularidades por aí....... é só procurar que acharam muitas outras.....

Jacinto disse...

Lunga, virou moda o nepotismo na dona Prefeitura. A rainha da Inglaterra Marcos Maia empregou sua irmã na Esurb e seu irmão no Planejamento, e de tabela seu outro irmão “presta” serviço para a Esurb, via empreiteira. Os irmãos ferros nos ferram nos quatro cantos da cidade. Cada um numa teta diferente. A pombinha Fátima Pereira não fica para trás. A parentaia toda também ta mamando. A família Amaral ta igual pinto no lixo. Alem do Sergio Amaral e Roberto Amaral tem mais um punhado deles comendo quieto. Isso é apenas o começo.

Anônimo disse...

A PREFEITURA DE MONTES CLAROS SEMPRE FOI UM CABIDE DE EMPREGOS, A CIDADE NÃO AVANÇA, FICA NO MARASMO DE SEMPRE.NO MUNDO DEVERIA SER IMPLANTADO O REGIME ANARQUISTA, CANSAMOS DOS OUTROS REGIMES, CAPITALISMO, SOCIALISMO, DITADURA, PUTARIA, MERDA ETC.....