Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

31 de mai de 2009

PREFEITURA REJEITA VEÍCULO PARA AJUDAR DEPENDENTES

Um fato inédito em todo o Brasil. E só poderia mesmo ser mesmo em Montes Claros nesta atual administração.
O Conselho Municipal Antidrogas deste município, que não tem verba para repassar às associações que tratam de dependentes químicos sejam eles internados ou tratados em grupos terapêuticos pelo fato de estarem reféns da Secretaria Municipal de Ação Social, comandada pelo PP, está de posse um veículo Fiat Marea, doado pelo governo de Estado através da sub Secretaria Antidrogas e do Comad Estadual, e pelo fato de não ter verba para sobreviver, o Conselho Municipal Antidrogas de Montes Claros foi obrigado a fazer um ofício para o gabinete do ainda prefeito, doando o carro.
De acordo com uma fonte, “o presidente João Walter Godoy Maia tentou passar o carro para o município enviando ofício sobre o fato mas ninguém do gabinete do prefeito, e nem ele mesmo respondeu”. Agora, o certo é que o carro poderá ser devolvido ao estado, ou correr o risco de virar sucata em algum estacionamento das ruas da cidade.
Mais um benefício perdido pelas mãos de um prefeito que não sabe conduzir a máquina pública. A sociedade tem o direito de saber a verdade dos fatos, como o fato de aumento absurdo do valor da lotação em Montes Claros.
Ministério Público a favor do povo. De resto, uma Vergonha.

Nenhum comentário: