Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

31 de mai de 2009

Lula diz que vencerá eleição em 2010

"Todo mundo sabe que nós vamos ganhar as eleições de 2010", disse. Lula e Dilma participaram de ato do PAC no Rio
Durante entrega de obras no conjunto de favelas do Alemão, no Rio, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a afirmar, ontem (sexta-feira-29), que está impedido de falar em campanha. No entanto, disse que “todo mundo sabe que nós vamos ganhar a eleição de 2010”. “Eu não preciso falar, mas todo mundo sabe que nós vamos ganhar as eleições de 2010. Quando chegar a hora certa, nós vamos para a disputa. E nós temos que ter clareza. Temos que aprender a ver quem é aquele que vai chegar na hora e vai prometer o céu e quem aquele que vocês sabem que está junto de vocês”, disse.
O público respondeu em coro de “Dilma, Dilma, Dilma”, ao que o presidente pegou uma rosa, de um arranjo que ornamentava o palco, e se dirigiu à ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, sua pré-candidata à sucessão. Segurando sua mão, Lula entregou a rosa e fez com que ela se levantasse para receber os aplausos. Para um público formado pelas famílias que receberam as chaves dos primeiros apartamentos e operários que trabalham na obra Lula fez promessas de aumentar o número de empregos.
"Vamos fazer daqui para a frente mais do que já fizemos até agora. Vocês que estão trabalhando aqui, saibam que o PAC vai empregar muito mais gente. O Programa Minha Casa, Minha Vida vai dar moradia e gerar emprego para as pessoas", afirmou.
Mais cedo, durante visita a obras no complexo de Manguinhos, também no Rio, Lula já havia brincado com o público ao afirmar que não é ele quem fala em campanha nos eventos, mas o povo. “Espero que a profecia que diz que a voz do povo é a voz de Deus esteja correta nesse momento”, disse o presidente que, durante o discurso, também disse que é preciso "não eleger mais vigaristas".
No último dia 14, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) isentou o presidente e a ministra da acusação da oposição de fazerem campanha antecipada durante o Encontro Nacional de Novos Prefeitos e Prefeitas, realizado em Brasília nos dias 10 e 11 de fevereiro.

Nenhum comentário: