Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

30 de abr de 2008

Ronaldo Fenômeno: o Brasil já tem um Maradona para chamar de seu?

As fotos dos, digamos assim, profissionais contratados pelo craque Ronaldo Fenômeno na madrugada de segunda-feira são a maior prova do poder do álcool e/ou das drogas para alterar a percepção das pessoas. Como se sabe, Ronaldo disse que se confundiu a respeito do sexo dos profissionais, mas, a julgar pelas imagens, nem o Mr. Magoo no escuro teria dúvidas sobre o assunto. Falando sério, a verdade é que dá pena ver um ídolo como o Fenômeno se espatifar desta maneira. A melhor hipótese para o jogador, sua versão sobre uma suposta extorsão, já é bem complicada e pressupõe um comportamento no mínimo imprudente de Ronaldo. Na pior hipótese – a ser verdadeiro o relato sobre consumo de cocaína durante o "programa" –, a carreira (sem trocadilho) do pentacampeão está encerrada e o Brasil ganha um Maradona para chamar de seu. Melancólico.

Nenhum comentário: