Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

19 de jul de 2007

Programa Cisternas no Semi-Árido Mineiro

Até o mês de dezembro de 2007, a Secretaria de Estado para o Desenvolvimento dos Vales do Jequitinhonha, Mucuri, São Mateus e do Norte de Minas (Sedvan) e o Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene) querem entregar 4.500 cisternas do Programa Cisternas no Semi-Árido Mineiro, contemplando os 54 municípios do Estado. Um programa de capacitação de cisterneiros já está sendo realizado nas principais cidades da região. Ele serve para a difusão da tecnologia na construção destas cisternas de placas, que são reservatórios que armazenam água de chuva recolhida pelas calhas do telhado. Segundo o técnico do Idene responsável pela implantação do programa, Carlos Fernando Amaral, uma cisterna pode armazenar até 16 mil litros de água, sendo capaz de suprir as necessidades de uma família de até seis pessoas durante o período de estiagem. “A construção é simples e pode ser feita pelos próprios moradores da comunidade, além de ser mais resistente, pela sua forma arredondada”, explica ele. Afirma que assim “conserva melhor a temperatura da água e evita a evaporação, além de não permitir a entrada de animais e insetos, por ser bem fechada”. Nesta sexta-feira, dois coordenadores do Programa do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Igor da Costa e Ildoneu Alves, estarão na região, verificando ‘in loco’ cursos de cisterneiros. Pela manhã, às 8hs30m, eles visitarão Capitão Enéas, e a tarde, a partir das 14 horas, visitam o município de São João da Ponte, onde estarão sendo ministradas aulas práticas, com a construção de três cisternas.
Fonte: Luiz Carlos Novaes - Assessor Idene / 19/07/2007

Nenhum comentário: