Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

28 de jan de 2009

Tadeu propõe dobrar os cargos de confiança na Prefeitura

O projeto de reforma administrativa que o prefeito de Montes Claros, Tadeu Leite (PMDB, PT, DEM, PSDB, PCdoB, PV, PR, PL, PP, PDT, PTB...) encaminhou para o legislativo, ao contrário do que foi propagado (leia AQUI ) aumenta de 468 para mais de 800 cargos, segundo comentário do post abaixo: “sem contar os cargos comissionados (chefes de divisão, seção, etc) da Saúde e Educação e os Secretários (16), Secretários Adjuntos (cada secretaria terá um, dois ou três adjuntos) e cargos de Assessores criados, são 594 cargos de comissão. Fora ainda os Secretários, Adjuntos, Assessores Especiais e Cargos da Saúde e Educação (que são as Secretarias que têm mais cargos na estrutura da Prefeitura). 155 Chefes de Seção; 113 Assessores; 79 Chefes de Divisão; 67 coordenadores; 39 gerentes; 26 Diretores de Execução; 40 encarregados de Serviços e 40 Encarregados de Setor”.
São agora 16 Secretarias, mais a Procuradoria Jurídica, Procuradoria da Fazenda, Assessoria Especial de Gabinete, Assessoria Executiva de Governo, Assessoria Técnico-Legislativa e Controladoria Geral, todos com Status e salários de secretarias. E ainda a Esurb, Prevmoc, Instituto Randal e Transmontes, que o prefeito prometeu extinguir.
Segundo o blog Política de Buteco: "Montes Claros precisa de Política séria e não Populismo. De Programas Sociais e não Assistencialismo. De Saúde e Educação e não de Clientelismo. Montes Claros precisa urgente de novos políticos."

8 comentários:

Lingua de Trapo disse...

Isso que é CHOQUE DE TETÃO!

Anônimo disse...

E Daí, dede que a cidade fique boa, com qualidade nos diversos setores, isso nada importa.

Anônimo disse...

Na antiga administração quem trabalhava era os estagiários! Os estagiarios sairam, entraram os concursados que ficaram coçando o saco e batendo cartão sem trabalhar durante 4 anos ... Resultado, estão perdidos sem saber o que fazer nas funcões que os estagiários faziam ( Ação Social é uma Delas)! Êta ferro!

Álbano Silveira Machado disse...

Dá vergonha na cara de quem tem ver o PT nesta tramóia. Não é um simples caso de ter cargos ou não no Governo Tadeu. São os acordos espúrios para obtê-los é que deveriam corar aqueles que acreditam ser uma oportunidade de ocupação de espaço político.

Anônimo disse...

Tadeu deve chegar em 2012 com mais de 9 mil funcionarios na Prefeitura, mais da metade contratados! Aguardem...

Anônimo disse...

esse pt de paulo guedes,virgilio e tropa,são tudo vagabundo.todos estavam falando de tadeu agora querem um lugar na teta mesmo sabendo que e por pouco tempo.

o ptzim de nego safado.

Anônimo disse...

lunga
esse pt virou a tchutcholina de montes claros.

PuTa:o novo significado da sigla

Anônimo disse...

Isso é um choque de tetão mesmo. No final do governo de tadeu a prefeitura terá cerca de 50 mil funcionários, porque ele não gerará os empregos prometidos, então sobra para prefeitura emprega os milhares de desempregados em moc.