Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

15 de mai de 2008

Demorou, mas a justiça tirou a Palavra de Tadeu do ar

Coincidência ou não, mas depois que o ex-prefeito de Montes Claros, Tadeu Leite – PMDB, afirmou à Revista Tempo “que a Justiça de Montes Claros, às vezes, é impregnada pela questão política e que não julga o fato com frieza e sim com a emoção e com o compadrio que permeiam as relações entre juízes, promotores e donos de jornais em Montes Claros”, o juiz eleitoral Frederico do Espírito Santo determinou a retirada do programa “a Palavra do Tadeu” do ar, alegando propaganda eleitoral do “indisfarçado candidato Luiz Tadeu Leite”, nas palavras do próprio julgador. Na sua argumentação, o juiz afirma que as falas do ex-prefeito no refrido programa configura propaganda eleitoral extemporânea, com afronta à proibição de realização de entrevistas/programas em rádio, de cunho eleitoral.

Nenhum comentário: