Search

Compra de votos ou coincidências? - Onda vermelha - Bloco de esquerda e partidos de centro se fortalecem no Congresso - Lula, o preconceito dos poderosos e o complexo de "vira-latas" -Eleição termina em pancadaria em Fruta de Leite - Marina,... você se pintou? Câmara Municipal de Buritizeiro cassa mandato do Padre Salvador - Repercute suspeita de caixa 2 na campanha de Hélio Costa - Lula diz que imprensa brasileira gosta de publicar "notícia ruim" sobre o país - Bicheiro confessa que doou R$ 250 mil para o caixa 2 de Tadeu Leite - Diante das denuncias de corrupção e fantasmas na Prefeitura de Montes Claros, o jornalista Pedro Ricardo pergunta: Cadê o Ministério Púbico? - PT dá o troco no PMDB e abandona Hélio Costa - Caixa 2 pode inviabilizar campanha de Hélio Costa - Dilma dispara e abre 20 pontos - A nova derrota da grande mídia

25 de set de 2009

EXPLORAÇÃO DE OURO EM RIACHO DOS MACHADOS TERÁ INVESTIMENTO DE R$ 250 MILHÕES

O Diretor de Ações Regionais do Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais – INDI-MG, Athos Avelino participou na tarde da última quinta-feira (24) da assinatura do Protocolo de Intenções entre o Governo de Minas e a Carphatian Gold Inc. para a implantação de uma unidade industrial no município de Riacho dos Machados, destinada à produção de ouro em barras.
A Carphatian Gold Inc. tem matriz em Toronto – Canadá, e obteve a concessão pelo Departamento Nacional de Produção Mineral - DNPM - em maio de 2009 e espera a conclusão do Estudo de Impacto Ambiental – EIA até o dia 30 deste mês.
O projeto prevê uma mineração de ouro a céu aberto na primeira fase e subterrânea na segunda, com instalações industriais para processamento do minério e obtenção do ouro em barras.
O investimento total será da ordem de R$ 250 milhões e serão gerados 400 empregos diretos e 800 indiretos.
A conclusão do projeto está prevista para março de 2011, quando se iniciará a produção de 2,2 milhões de toneladas de minério por ano, com a geração de 100 mil onças de ouro (produto final) por ano.
Espera-se um faturamento de R$ 100 milhões em 2011 e de R$ 160 milhões de 2012 em diante.
Segundo o diretor do INDI Athos Avelino, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais e o INDI-MG tiveram papel fundamental para a concretização desse empreendimento com grande importância econômica e social, porque não será uma simples lavra mineral, mas uma indústria cujo produto final terá alto valor agregado. “A Carphatian contratou empresa de consultoria especializada em garantir a exploração mineral com o menor dano possível ao meio ambiente, onde serão gerados pelo menos 1.200 empregos, número expressivo para a economia regional, onde o município de Riacho dos Machados receberá royalties, que representarão recursos relevantes para o seu desenvolvimento”. Comemorou Athos Avelino

8 comentários:

Anônimo disse...

Enquanto isso, na cidade de Montes Claros, voltamos ao periodo do fechamento das indústrias. Já foi o Café Letícia e outras estão a caminho. Os representantes atuais não tem a confiança dos empresários. O tipo de empresário que investe agora é do tipo wc. O Secretário de Comércio e seus muitos adjuntos não tem competência e nem vontade de traballhar. Dá nisso. Não podemos esquecer que nos quatro anos anteriores foi o auge com ampliação de várias empresas e a Biodiesel. Por isso foi a mais dinâmica de Minas. Agora, parece que só pensa em festas. É o chamado pão e circo. Fui....

Marcelo disse...

Lunga Você sabe quanto que a Prefeitura paga todo mês para imprensa ficar de bico calado em Montes Claros? 62.500,00 SÓ COM OS COMPROMISSOS FIXOS MENSAIS VIA ASCOM distribuido da seguinte forma:
Gazeta NM - 31.000,00
Jornal de Notícias - 16.000,00
Edição do Brasil - 6.000,00
TV Gerais - 15.000,00
Canal 20 - 6.000,00
Zé Vicente - 2.000,00

Anônimo disse...

E por falar em empresas que dão certo. a Stylus, empresa terceirizada que fornece merenda para escolas municpais de Moc, etá muio bem. Ela recebe l,80 por aluno e serve: macarrão com soja,
otro dia picado de mandioca om carne. outro dia polenta com picado de batatinha, depois arroz feijão e abóbora.Esta empresa que também ao Wilson Cunha pertence vai ficar milionária, pois os alunos passam fome, mas não comem
esta porcaria. Futuramente, estaremos enviando fotos . Ok?
Kde o Ministerio Público desta cidade? e DELEGADOS? prá prender essa quadrilha de ladrões?

Anônimo disse...

A prefeitura de Moc está precisando de uma visita do delegado da PF Protogenes Queiroz, esse sim porreta, descobriria de vez o que ocorre na administração pública municipal.

Anônimo disse...

Daqui quatro anos o povo de moc vai perder as cuecas.

silvana disse...

Riacho dos Machados merec ser cuidada e bem tratada e não explorada!
E isso ninguem tem feito por ela. Os que gritam que amam essa cidade são aqueles que furtam a esperança de um futuro melhor para meu povo tão sofrido e cansado!

Joseph Richard disse...

Riacho dos Machados e uma cidade que merece se olhada e invertida, ficou muito tempo parada no tempo...so pessoas querendo explora-la para seu interese sem da o minino valor...a cidade tem muitos mais valor do que o ouro tao cobiçado. tem pessoas que vivem o dia a dia cheio de esperaça...
Tem que haver uma junção entre o interece do dinheiro cm o mais importante o valor da cidade, ou melhor. da vida de quem mora nessa cidade e sempre aguardando dias melhores...

Toninho Pereira disse...

Os recursos minerais de Riacho dos Machados devem ser explorado mas com respeito ao meio ambiente e ao povo da região, as empresas devem investir melhor na comunidade, fazendo melhores bem_feitorias para a cidade e população da região.